segunda-feira, novembro 15, 2010

LEITO- Fotografia Luciano Fraga-2010

“Nenhum se quis sujeitar...”
Por W. Whitman


Úberes esgarçados
padeciam traídos
em velhas películas
e sopravam pelas embocaduras
recreios que gritavam

quimeras...
Indizíveis fisionomias
rastejavam em divisas velhacas
com os pulsos invernosos
suplicando lâminas...
Soltem os algozes!
Há sinais de ataxia...



Luciano Fraga

14 comentários:

Adriana Godoy disse...

Luciano, não sei se entendi direito...mas deu um certo arrepio.

Vou ler de novo e de novo, quem sabe eu chegue lá.

Desculpe a franqueza, tá?

Beijo, poeta querido.

Luciano Fraga disse...

Querida poeta,muitas vezes coisas escabrosas passam por perto de nós e nos deixam estarrecidos, foi isso... Também fiquei arrepiado com o que vi.Carrego comigo uma convicção mortal:ninguém merece menosprezo,beijo querida.

Ana disse...

Luciano,

A vida não é medida por sua respiração,más...por seus momentos
de tirar o fõlego ou de arrepios!

Abraço,

Ana Lgo.

Luciano Fraga disse...

Ana, pois estou retomando o meu fôlego, abraço.

Mirze Souza disse...

Luciano!

São belos os versos, embora perversos, pelos sinais da ataxia.

Gosto dessas palavras que causam um certo desconforto.

Um chamado à vida!

Beijos

Mirze

Luciano Fraga disse...

Amiga Mirse, como diria Belchior: "eu quero é que esse canto torto feito faca corte a carne de vocês...". Precisamos mesmo de algo que venha até nos ferir para acordarmos, abraço.

Anita Mendes disse...

andava sumida lu! desculpa...mas estou de volta pra exorcizar toda essa poetica harmonia que encontro em teus poemas...
beijos e saudades ...

Ruela disse...

Sempre boa qualidade por aqui.
Grande abraço Luciano, tudo de bom.

pianistaboxeador21 disse...

Parecia uma onda imensa no mar... que me cobriu e me afogou.
As palavras são poderosas. Acertou.
Abraço

Luciano Fraga disse...

Anita querida, a vida e sua atribulações e termina por engolir nosso tempo, forte abraço.

Luciano Fraga disse...

Ruela amigo, sempre marcante sua presença, saudades e um grande abraço.

Luciano Fraga disse...

Daniel amigo, uma grande onda, mas você sabe nadar e assim escapa ileso, abraço.

Consultora Educacional disse...

Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Informática Online. Daienne.

Devir antes dos nomes disse...

Comentário anterior "arrazou", me corto, mas a lãmina não me atinge, de saudade, AGod.

Sr. Bojangles

Conheci um homem,
Bojangles,
e ele dança para você
desgasta os sapatos,
com cabelos grisalhos,
uma camisa esfarrapada,
e calças largas.
o velho sapato mole.
salta tão alto,
salta tão alto,
então ele toque novamente o chão