domingo, setembro 07, 2008

A POESIA DE BIAZINHA-GESTAÇÃO POÉTICA

Jas de Bouffan, le bassin - Cezane




Um poema é feito de palavras
palavras que são ocas
às vezes muito loucas
que dependem das bocas
que as cospem no ar.

Mas as palavras também pesam
com substâncias e consonâncias
que mordem,agridem e sangram
na massa, carcaça
com chifre no rabo
barriga na cabeça
e a cabeça na asa
que voa
e se esfumaça no céu.

Aí a palavra se esquece
que um dia teve um pai
que a pariu e a proferiu
e a prendeu com algema
que irrompe
e virou poema.

16 comentários:

Luciano Fraga disse...

Biazinha, muito grato mesmo pela bela homenagem, por ser suspeito, posso falar pelo Márcio, que é uma grande figura e merece as honrarias. Tenho absoluta certeza que estes versos facilitarão um parto bem tranquilo e natural, beijão, sucesso.

marcio m disse...

Quanto tempo dura a gestação de um poema?As vezes um dia ,uma noite ou
pode durar uma infinidade de tempo até ele ser colocado para fora.Só quem é poeta sabe o quanto é difícil exaurir um poema.





Grande e merecida homenagem ao poeta Luciano,valeu Bia.

Braga e Poesia disse...

tem que botar o nome da autora já que é a bia, coloca o nome dela.
muito bom o poema.

Luciano Fraga disse...

Ronaldo, valeu a lembrança, grande falta de atenção, vou corrigir amigo. Mas adianto: BIAZINHA, abraço.

pianistaboxeador21 disse...

Essa menina anda escrevendo bem demais.
Metalinguagem digna de Drummond.
Abraços para a Bia e para o Luciano.

Daniel

On The Rocks disse...

d. luchiano,

eu já havia lido no blog da biazinha.
você merece,
abs

buenas.

Luciano Fraga disse...

Caro Buenas, Biazinha tem o coração bondoso, abraço.

Ruela disse...

A Bia vai dar que falar Luciano.


Abraço.

Luciano Fraga disse...

Caro Ruela,já está , concordas? Obrigado, abraço.

Zinaldo Velame disse...

Uma bela homenagem em forma de poema. Luciano e Márcio, vocês merecem! Biazinha, parabéns! Abraço!

biazinha disse...

Obrigada a todos, e tenho muito a aprender com meus dois homenageados.
Obrigada a todos pelo carinho!
Beijos.

Luciano Fraga disse...

Biazinha, você é generosa e modesta, a vida é interdependência, uma eterna troca de aprendizados, sucesso , beijo.

biazinha disse...

Vim aqui comunicar que não comentarei mais trabalho algum na NA, pois me desliguei de lá devido ao fato de terem tirado de forma covarde o meu irmão klatuu do blogue e do movimento.

Beijos.

Luciano Fraga disse...

Biazinha, deixa -me recuperar um pouco o gás, depois comento.Beijo.

heraldo disse...

Muito bom poema.Gostei do final em que diz que uma palavra esquece de quem a proferiu.Isso é importante pois a interpretação daquilo que foi escrito não mais cabe a quem escreveu e sim a quem vai interpreta-los.Poema perfeito.

Muito bom. Por favor como faço para ver o seu blog?

obrigado.e um grande abraço

Luciano Fraga disse...

Heraldo, obrigado pela presença, para acessar o blog de Biazinha- FOREST ANGEL, tem aí nos links, grande abraço.