quinta-feira, fevereiro 14, 2013



GRITANTE


E um ar triste de sal
assumiu suas proezas
em forma de poesia.
E a maresia tratou de desenhar
sua alegoria
com o beijo de quem partiu;
traços de Dalí
desdenharam dos lenços da saudade
que triunfou
e um terrível sopro de flauta doce
rompeu o silêncio incoerente
de um lá
que ainda ontem
era só espasmos e histeria,
mas nada comparado
à brutal realidade fria
que ainda faz meu coração bater,
incidentalmente... 


Luciano Fraga

Um comentário:

ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS disse...

Blog da Academia Machadense de Letras
http://academiamachadense.blogspot.com.br/

VENHA FAZER PARTE DO GRUPO DA ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS (FACEBOOK). PUBLIQUE SEUS POEMAS, CONTOS, CRÔNICAS, FOTOGRAFIAS, SUGESTÕES DE LIVROS, PEÇAS DE TEATRO, FILMES...TODO CONTEÚDO CULTURA.
ACESSE O LINK E CLIQUE NA OPÇÃO (SEGUIR/PARTICIPAR DO GRUPO). DEPOIS É SÓ PUBLICAR SEUS TEXTOS COM OU SEM FOTOS.
https://www.facebook.com/groups/149884331847903/

Acesse o blog:
HTTP://www.fanzineepisodiocultural.blogspot.com